Como escolher um rádio comunicador Motorola?

HomeGrupo CDCComo escolher um rádio comunicador Motorola?
Post Image

A escolha do rádio comunicador Motorola é fundamental para que as demandas da empresa sejam atendidas adequadamente pela tecnologia implantada. Entretanto, tal medida ainda gera muitos questionamentos.

Existem diferentes situações nas quais o rádio comunicador Motorola pode ser necessário para aumentar a eficiência e produtividade dos times, como também para melhorar a comunicação interna e reduzir custos operacionais.

Quando um rádio é necessário?

O rádio comunicador Motorola é uma demanda de negócios de diferentes segmentos que precisam melhorar a comunicação nas equipes. Entre as áreas nas quais esse recurso é mais empregado destacam-se:

  • Construção civil;
  • Organização de eventos;
  • Segurança;
  • Agricultura e pecuária;
  • Recepção.

São diversas as operações industriais, em comércio e serviços que demandam o uso do rádio comunicador Motorola para tornar a comunicação mais prática e dinâmica.

Uma das vantagens é uma alta disponibilidade para comunicação e custos reduzidos, muito abaixo dos valores referentes ao uso da telefonia celular.

O que considerar na escolha do Rádio comunicador Motorola?

Inicialmente a empresa precisa definir quais as funcionalidades que precisam estar disponíveis no rádio comunicador Motorola. Essa etapa permite alcançar mais facilmente os objetivos almejados com a solução. A seguir destacamos alguns dos fatores a serem considerados pela empresa contratante.

Digital x analógico

A principal  diferença entre as soluções está na forma em que ocorre a transmissão da mensagem. Nos sistemas de rádios digitais há a conversão das comunicações em uma série de números ou dígitos (combinação binária), o que garante a qualidade das transmissões e torna essa opção mais eficiente e dinâmica.

Os rádios analógicos enviam as informações da forma como elas foram faladas, ficando mais suscetíveis a interferências, ruídos e invasões clandestinas.

O rádio comunicador Motorola foi pioneiro ao disponibilizar recursos digitais, como a mensagem de texto, o alarme e outras funções nos rádios comunicadores.

Como benefício dos sistemas digitais está a maior clareza no som e ajuste automático para um áudio mais compreensível e sem interferências do som ambiente.

UHF x VHF

Também é preciso avaliar o tipo de frequência que será usada nos rádios comunicadores Motorola. São duas opções, a UHF e a VHF.

O UHF é uma frequência ultra alta, que tem um desempenho melhor em locais com obstáculos , mas exige aparelhos com maior capacidade.

Essa frequência é indicada para empresas que utilizam os rádios comunicadores em ambientes urbanos ou congestionados, com muitas interferências e barreiras criadas pelos homens, como construções de aço e concreto.

O VHF consiste em uma frequência muito alta, usada normalmente em aeronaves, no radioamadorismo e profissionalmente em indústrias e demais segmentos.

Ela é indicada para usos nos quais não há muitas barreiras, como em regiões rurais e amplamente abertas.

Destaca-se que devido às funcionalidades, a UHF tem uma autonomia de bateria menor do que o modelo de rádio comunicador MotorBR que utiliza a frequência VHF.

Autonomia da bateria

O rádio comunicador Motorola apresenta melhor autonomia de bateria do que outras marcas devido à moderna tecnologia utilizada. No entanto, ela ainda pode variar de acordo com questões como:

  • Funcionalidades disponíveis;
  • Tecnologia presente no aparelho;
  • Forma de transmissão;
  • Displays e interfaces.

É comum que a autonomia do rádio comunicador Motorola dure, ao menos, 8 horas o que corresponde à jornada de trabalho média, mas é possível que haja divergências de acordo com os fatores indicados.

O tipo de negócio influencia na escolha do rádio comunicador?

O segmento e tipo de negócio também influenciam a escolha do modelo de rádio comunicador da Motorola. Por exemplo, se os colaboradores precisam trocar informações escritas é importante um aparelho mais moderno e com mensagem de texto.

Para profissionais que precisam das duas mãos no trabalho, como motoristas, apertar o botão PTT para iniciar a comunicação pode ser inviável, o que demanda um aparelho com reconhecimento de voz.

Portanto, as atividades realizadas e o segmento do negócio interferem nos recursos necessários para um bom desempenho da tecnologia.

O melhor rádio comunicador Motorola é aquele que atende as diferentes demandas do negócio, oferecendo mais agilidade, profissionalismo e qualidade na comunicação das equipes.